15 de set de 2008

Conheci um louco por Jesus

Comprei o livro Jesus Freaks por DC Talk mês retrasado, e as histórias de pessoas que preferem morrer à negar Jesus me levaram a pensar sobre o quanto eu amo Jesus, e o que eu tenho feito por causa desse amor.

Ontem no culto tive o privilégio de conhecer um louco por Jesus ao vivo e a cores. O Missionário Miguel Zugger pregou na nossa Igreja e compartilhou seu testemunho e suas experiências evangelizando os muçulmanos.

Ele viveu 32 anos sem Jesus. Cego pela religião, servindo à um deus desconhecido, atormentado por pensamentos terroristas que foram plantados na sua cabeça desde os 12 anos, quando usou um fuzil pela primeira vez. Mas foi no período em que estava trabalhando na Argentina, ao aceitar o convite de participar de um acampamento da Igreja Batista, que ele sorriu tanto que ficou com dores nos ossos do rosto. Porque um muçulmano é ensinado a não chorar porque é covardice, e a não sorrir porque é levianismo. E nesse acampamento ele sorriu, ele conheceu Jesus.

De terrorista palestino à batista fervoroso, Miguel Zugger abandona todas as armas e fuzis, em obediência ao chamado de Deus, para levar a palavra do Deus vivo ao seu povo na palestina. Pois grande é a dor do seu coração em ver o seu povo separado de Cristo, como sentia Paulo:

"Digo a verdade em Cristo, não minto, dando testemunho comigo a minha consciência no Espírito Santo, que tenho grande tristeza e incessante dor no meu coração. Porque eu mesmo desejaria ser separado de Cristo, por amor de meus irmãos, que são meus parentes segundo a carne;" (Romanos 9:1)
Miguel contou que já foi preso 43 vezes por pregar as boas novas de salvação. As igrejas na palestina são clandestinas, ou seja, escondidas e secretas. Os cristãos são perseguidos, e dizer que você crê em Jesus significa ser banido da família e ser considerado traidor. Miguel pede oração pra que ele permaneça fiel à Deus independente das circunstâncias.
Você e eu temos liberdade de adorar à Deus e pregar a palavra, e o que estamos fazendo?

Abaixo uma entrevista que achei na net procurando saber mais sobre esse ministério.

..................................

Missionário M.Z. é preso na Jordânia acusado de uma atividade proibida no país: evangelizar. Pressionado a negar a fé, ele foi deportado ao Brasil.

Jornal de Missões - Há quanto tempo você e sua família estavam na Jordânia?

M.Z.: Há sete meses. Nesse período eu estive na Palestina duas vezes dando assistência com cestas de alimento e apoio espiritual aos nossos irmãos que estão presos.

JM - Como e onde você realizava o seu trabalho missionário? Quem eram as pessoas que você alcançava?

M.Z.: Na verdade, eu não escolhia lugares ou pessoas específicos, até porque, hoje, já não há divisão de classes entre o povo palestino; só há pessoas sofrendo. Então evangelizava nas ruas, nos táxis, nos carros de lotação e, claro, nas áreas onde podia ter acesso. Aproveitava as oportunidades para falar de Jesus, fosse na cidade, em campos de refugiados, nas aldeias. O meu ministério nessa área se expandiu bastante porque pude trabalhar não somente na Faixa de Gaza, como também em grande parte da Palestina. Houve muitas conversões nesse tempo.

JM - Como você entrava nos campos de refugiados?

M.Z.: Depois de um tempo as próprias autoridades passaram a facilitar a minha entrada porque viram que realmente eu estava levando socorro para aquele povo sofrido. Mas nem sempre foi assim. Muitas vezes fui torturado por causa de uma caixa de alimentos ou um lote de bíblias que carregava comigo. Mas as necessidades são tantas que começaram a entender. Um policial me disse: ‘Gostaria que outros, como você, chegassem aqui para fazer esse trabalho; nós os autorizamos até mesmo a falar de Cristo, como vocês querem, mas por favor, cuidem de nós’.

JM - Como foi sua prisão agora?

M.Z.: Estávamos em casa quando, por volta das 22h30, a campainha tocou. Ao abrir a porta, mais de 20 policiais invadiram a nossa casa de uma maneira muito brutal. Levamos um grande susto. Minha esposa estava dando comida para o nosso filho. Eles não deram nenhuma oportunidade para fazermos nada. Vasculharam tudo e encontraram bíblias, fitas, CDs com gravações evangelísticas e outros materiais. Mas, o momento que mais me chamou a atenção foi quando encontraram, na varanda, umas caixas com mais de 500 novos testamentos. Todos pularam em cima. Eu falei para não se preocuparem pois não havia armas ali. ‘Isto aqui’, disse o chefe da polícia secreta, apontando para os novos testamentos, ‘é pior do que armas’. E falou ainda: ‘Isto pode levantar uma guerra civil em nosso país, vocês estão aqui para provocar uma guerra’. Eu não entendia o que ele queria dizer. Então me levaram e apreenderam todo o material.

JM - E qual foi a acusação que pesou sobre você?

M.Z.: Eu já esperava ser preso a qualquer momento, pois estava pregando o Evangelho. Só não imaginava que poderia ser da forma como foi, com a invasão do meu domicílio. Quanto a acusação, em nenhum momento me deram uma explicação oficial. Fui preso porque deixei de ser muçulmano e agora sou cristão e, além disso, estava evangelizando. O chefe de polícia disse que não há nada contra a Bíblia e os cristãos, até porque há igrejas na Jordânia. Ele falou que não podíamos era fazer o que vínhamos fazendo, ou seja, o trabalho missionário. Isto sim, segundo ele, é que os levaram a prender-me.

JM - Você acha que alguém o denunciou?

M.Z.: Na verdade a polícia secreta conhecia bem o nosso trabalho, pois ela tem um sistema de informações fortíssimo na região. Não neguei que era missionário e me pressionaram muito sobre isso. Para as autoridades o fato de estar evangelizando muçulmanos é que pesou na hora da prisão. Hoje, não estou preocupado com quem nos denunciou e com aqueles que me acusaram. Como disse, eu estava esperando isso a qualquer momento, mas também devo dizer que nós trabalhávamos com muita prudência, à base de muita oração e da orientação de Deus.

JM - Você estava evan-gelizando um taxista e houve a suspeita de que fora ele ou um amigo dele quem o entregou. Isto pode ser verdade?


M.Z.: Bem, eu não sei se foi exatamente isso. Realmente corríamos sempre risco, na medida em que falávamos com as pessoas. O taxista foi um milagre de Deus, não tive problemas com ele, pelo contrário, sempre vi que ele tomou uma decisão genuína. Com certeza não foi ele o autor da denúncia. A polícia já estava rastreando nossas atividades há muito tempo, desde que chegamos à Jordânia, porque quando eu passava para a parte de Israel, a polícia israelense também me fazia muitos interrogatórios. Parece que existe um trabalho conjunto entre as polícias dos países daquela região.

JM – Então você não era um desconhecido.

M.Z.: Nos bairros próximos de nós todos já nos conheciam. No último Natal, muitas pessoas, que não eram cristãs, ligaram para nossa casa nos felicitando por essa data. Certa vez um policial me perguntou: ‘Quanto você pagou, ao bairro inteiro, para que as pessoas o tratem tão bem? Que tipo de artista é você para conquistar esse povo?’ As pessoas nos procuravam para pedir conselhos para seus problemas. Então louvo a Deus e agradeço a forma como Ele preparou muitos corações naquele lugar. A cidade inteira já conhecia o nosso testemunho. Sabiam que somos cristãos. Por tudo isso, hoje temos frutos tremendos na Jordânia. A conversão do taxista e de outras pessoas provam isso.

JM – Quanto tempo você ficou preso?

M.Z.: Fiquei encarcerado durante quatro dias numa cela escura, de aproximadamente 1,5 m por 1,5 m, sem comida e sem receber sequer um copo d’água, sem saber se era dia ou noite, e totalmente incomunicável. Foi muito, muito duro.

JM - Você foi torturado? Houve pressão para você negar o nome de Jesus, como aconteceu outras vezes?


M.Z.: Na verdade não me tocaram fisicamente, mas a tortura emocional foi tremenda. Quando me tiraram daquela cela escura, me levaram para uma sala a fim de fazerem novo interrogatório. Eu estava encapuzado. Não sabia onde estava pisando. Havia pessoas atrás de mim batendo uns ferros para me deixar ainda mais assustado. Quando cheguei ao local tiraram o capuz e vi que estava diante de autoridades. Primeiro me pediram para negar a Jesus. Houve humilhações. Às vezes me pressionavam dizendo que poderia acontecer alguma coisa com a minha família. Essa tortura foi a maior porque a minha maior preocupação era com a minha esposa e meu filho. Ninguém me dava informação deles. Depois insistiram para que seu negasse a Jesus, se assim o fizesse, estaria em liberdade. No último dia um juiz militar falou que eu tinha 48 horas de vida, pois seria condenado e fuzilado. Ele dizia: ‘Você sabe o que significa um muçulmano abandonar a sua religião’. Pela lei islâmica ele deve ser morto. Então, quando ele me disse: ‘É agora ou nunca. Você vai negar esse Jesus ou prefere ser fuzilado?’. Eu falei para ele: ‘O senhor já terminou sua acusação, o seu trabalho, senhor juiz? Porque a minha resposta vocês já conhecem perfeitamente’.

JM – O que aconteceu depois disso?


M.Z.: Me levaram de volta para a cela. Naquele momento não consegui segurar minhas lágrimas porque estava voltando para aquele lugar escuro, sem saber o que poderia acontecer com a minha família. Nesse instante orei e, de repente, uma grande paz inundou meu coração. Falei então para o Senhor: ‘Agora posso estar contigo’. Minutos depois bateram à porta e jogaram a minha sacola. Falaram para eu trocar as roupas porque em cinco minutos estaria saindo dali. Entretanto, me levaram para uma cadeia pública. Ali pude experimentar a providência de Deus e entender por que Ele permitiu que eu passasse por tudo isso. Naquela prisão estavam mais de 30 muçulmanos estrangeiros, de todos os países do Oriente Médio e de alguns do Norte da África. Era gente do Egito, do Iraque, da Líbia, do Sudão, da Somália, do Senegal, do Quênia, do Marrocos. Imagine cada representante desses povos ouvindo a mensagem de salvação em Cristo.

JM - Como foram aqueles contatos?

M.Z.: Um jovem me disse: ‘Eu procurava uma bíblia e de repente Deus manda um pastor para mim’. Esse rapaz e também um líder muçulmano, do Paquistão, se converteram. Este último me abraçou e pediu para que eu orasse por ele. Era um muçulmano fanático mas, no último dia, ele declarou que todas essas coisas que fizera em nome da sua religião não valeram nada na sua vida. Ele me disse: ‘Você foi torturado, e nós não passamos nem um segundo pela sua situação, e ainda assim você entra aqui alegre, fala do amor de Jesus, então senti que você está falando de uma relação pessoal com Deus’. Ele disse que estará à minha disposição e pediu para que eu o procurasse quando estivéssemos em liberdade. O seu endereço está comigo. Os próprios policiais, na hora do interrogatório, pediam para eu falar tudo de novo e quando chegava no momento de contar o meu testemunho, eles não queriam ouvir. ‘Mas não posso falar nada assim porque tudo está ligado à minha conversão’, eu dizia. Eles então foram obrigados a ouvir a minha história. Como eu ficava feliz com isto! E via os olhos dos policiais mexendo. Isso os incomodava. Para mim foi duríssimo passar por essa situação, mas louvo a Deus porque senti como, em todos esses momentos, fui instrumento nas mãos de Deus.

JM - Depois disso, você foi solto. Teve alguma condição para a sua libertação? Se você tivesse negado a Jesus, teria permanecido na Jordânia?

M.Z.: Eles me pressionaram, mas eu não assinei nada atendendo aos pedidos deles para eu voltar atrás. Chegaram a me dizer: ‘Você teria a sua liberdade e muitas outras coisas porque nós conhecemos o teu passado e você poderia ser útil ao nosso país’.

JM - E como foi sua saída do país?

M.Z.: Já estava tudo preparado para a minha deportação. Eu pedi para eles me deixarem ir à minha casa, pelo menos para arrumar as minhas coisas, mas nem isso permitiram. Disseram que eu teria de sair dali imediatamente. Não me deram nenhuma oportunidade para sair livremente da porta da prisão. Eu saí encapuzado e algemado, escoltado por policiais, e segui direto para o aeroporto, onde a minha esposa e meu filho já estavam me aguardando. No trajeto para o aeroporto, uma viagem de 45 minutos, os dois policiais que me levavam falaram que eu era louco, que poderia viver como eles, os muçulmanos, que não haveria problemas. Pude então testemunhar que a nova vida só é possível em Cristo. Eles ouviram mais uma vez a mensagem de salvação e pediram para eu falar versículos da Bíblia. Depois, lá no aeroporto, quando reencontrei minha esposa e meu filho, eles viram que o amor está presente na nossa família. Interessante é que eu deveria continuar sendo conduzido algemado, mas o policial responsável pela escolta disse o seguinte: ‘Tenho vergonha de fazer isso porque você é um homem diferente. Vou assumir essa minha atitude diante das autoridades, mas vou deixar você andar livremente’. Nesse momento, um deles falou para mim: ‘Estou muito feliz em ter conhecido você’. E nos levaram para dentro do avião.

19 comentários:

  1. Conheço o missionário Miguel Zugger pessoalmente. Já conversei com ele em algumas ocasiões e ouvi por várias vezes seu testemunho público no Brasil. Que Deus o abençoe aind mais. E que sirva de exemplo também aos cristãos em geral, acostumados a envolvimentos apenas parciais e rasos com o cristianismo e com o Cristo vivo, salvação dos povos.

    ResponderExcluir
  2. (GN.49.1) – AJUNTAI-VOS E EU VOS FAREI SABER O QUE VOS HÁ DE ACONTECER NOS TEMPOS VINDOUROS:(TB.12.6) – BENDIZEI AO DEUS DO CÉU, E DAÍ-LHE GLÓRIA DIANTE DE TODOS OS VIVENTES, POR TER USADO CONVOSCO DA SUA MISERICÓRDIA: O seu poder há de espiritualizar as almas de todos os Homens de bom senso, e de todas as Mulheres de boa fé; que alcançaram a verdade cientifica revelada na “EXORTAÇÃO DO SABER”; e que também já passaram a interagir com o Cristo Vivo, ao publicarem o chamamento que o nosso Pai Comum tem feito aos Filhos e Filhas do amor eterno, e que já começaram a renascer espiritualmente para a vida eterna.

    Aqueles que buscaram as boas novas na “Bibliogenese de Israel”, já vislumbraram a herança espiritual que a Providência Divina nos legou, e também já saberão se auto-reciclar na Lei do Senhor que nos impõe a recomposição da literatura bíblica, para formar os Cristãos Conscientes que hão de consumar a Profecia Sagrada, conforme já tem sido demonstrado, assim:

    (EX.) – O SEGUNDO LIVRO DE MOISÉS CHAMADO ÊXODO: OS DESCENDENTES DE JACÓ NO EGITO. Estas 60 letras e 5 sinais recompostos, revelam que: É O CONJUNTO DE EX-SEGRÊDOS: O LEGADO DE VIDA CÓSMICA E O DESTINO DOS HOMENS.

    Outro exemplo:

    (JR) – JEREMIAS: A VOCAÇÃO DE JEREMIAS. São 26 letras e 3 sinais que dizem: CRIEI A AÇÃO DO SER: VEJAM E SEJAM.

    (JB.29.22) - RECEBEI O ESPÍRITO SANTO! (1CO.11.1) – SEDE MEUS IMITADORES COMO TAMBÉM EU SOU DE CRISTO.

    (Na verdade, Deus nos concedeu o livre arbítrio, a fim de que pudessemos agir tanto divinamente, como diabolicamente; segundo a formação de cada um, na proporção da nossa graça em Cristo Jesus)

    ResponderExcluir
  3. REVELAÇÃO/EXORTAÇÃO
    Urge difundirmos na terra, a certeza de que Jesus Cristo já vive agindo entre nós, espargindo a luz do saber em sí, criando Irmãos Espirituais, e a nova era Cristã. Eu não minto, e a Espiritualidade que esperava pela sua volta, pode comprovar que digo a verdade. Por princípio, basta recompormos as 77 letras e os 5 sinais que compõe o título do 1º. livro bíblico, assim: O PRIMEIRO LIVRO DE MOISÉS CHAMADO GÊNESIS: A CRIAÇÃO DOS CÉUS E DA TERRA E DE TUDO O QUE NÊLES HÁ: Agora, pois, todos já podem ver que: HÁ UM HOMEM LENDO AS VERDADES DO SEU ESPÍRITO: ÊLE É O GÊNIO CRIADOR QUE ESSA AÇÃO DE CRISTO: (LC.4.21) – Então passou Jesus a dizer-lhes: Hoje se cumpriu a escritura que acabais de ouvir: (JB.14.17) – O Espírito da verdade que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem conhece, vós o conheceis; porque Ele habita convosco e estará em vós. – Regozijemo- nos ante a presença do Nosso Senhor, e façamos jus ao poder que o Filho do Homem traz às Almas Justas, para a formação da verdadeira Cristandade.

    (MT.26.24) – O FILHO DO HOMEM VAI, COMO ESTÁ ESCRITO A SEU RESPEITO, MAS AI DAQUELE POR INTERMÉDIO DE QUEM O FILHO DO HOMEM ESTÁ SENDO TRAIDO! MELHOR LHE FÔRA NÃO HAVER NASCIDO:

    E, ao recompormos as 130 letras e os 7 sinais que compõem esse texto, todos já podem ler, saber, e entender quem é o Filho do Homem:

    E O FILHO DO HOMEM É O ESPÍRITO QUE TESTA AS ALMAS DO HOMEM E DA MULHER, NA VERDADE DO SENHOR, COMO CRISTO: E EIS A PROVA QUE O FILHO DO HOMEM FOI TREINADO NA LEI CRISTÃ:

    (MC.14.41) – Chegou a hora, o Filho do Homem está sendo entregue nas mãos dos pecadores: E hoje, quem quiser interagir com o Filho do Homem Imortal, deve buscar “A Bibliogênese de Israel”, que já está disponível na internet (Editora Biblioteca 24x7). E quem não quiser, pode continuar vivendo de esperança vã, assistindo passivamente a agonia da vida terrena, à par da auto-destruição do nosso planeta...

    ResponderExcluir
  4. FORJANDO OS VERDADEIROS DISCIPULOS DE CRISTO POR AMOR À CAUSA DOS JUSTOS:
    O ESPÍRITO DOS SANTOS PROFETAS DESPERTA OS DISCIPULOS DO CRISTO VIVO, REVELANDO O QUE ESTÁ ESCONDIDO NAS PARÁBOLAS BÍBLICAS: (RM.9.1) – Digo a verdade em Cristo, não minto, testemunhando comigo, no Espírito Santo, a minha própria consciência; (RM.10.11) – porquanto a Escritura diz:
    (MT.15.18) – E chamando Jesus os seus discípulos, disse: (MC.14.41) Ainda dormis e repousais? Basta! (LC.8.10) - A vós outros é dado conhecer os mistérios do reino de Deus; aos demais, fala-se por parábolas, para que, vendo, não vejam, e, ouvindo, não entendam: (HB.12.25) - – Tende cuidado, não recuseis ao que fala; (LC.10.24) – pois eu vos digo que muitos profetas e reis quiseram ver o que vedes e não viram, e ouvir o que ouvis e não ouviram; (SL.78.22) – porque não creram em Deus nem confiaram na sua salvação: Vede o que o Espírito Santo nos revela ao recompormos as 116 letras e os 4 sinais, que compõem esta parábola:
    (AP.2.7) – QUEM TEM OUVIDOS OUÇA O QUE O ESPÍRITO DIZ ÀS IGREJAS:AO VENCEDOR DAR-LHE-EI QUE SE ALIMENTE DA ÀRVORE DA VIDA, QUE SE ENCONTRA NO PARAÍSO DE DEUS:
    (LC,20.17) – Que quer dizer, pois, o que está escrito? Quer dizer que hoje podemos ler, entender e saber ensinar que:
    AGORA O CRISTO VIVO ESCREVE ENSINANDO O HOMEM A SER DE DEUS: QUER QUE O ESPÍRITO QUE É DONO DA VERDADE, ESPIRITUALIZE A ALMA QUE É DONA DA JUSTIÇA:
    (JB.14.1) – Não se turbe o vosso coração, credes em Deus, crede também em mim; (EC.12.14) – porque Deus há de trazer a juízo todas as obras, até mesmo as que estão escondidas, quer sejam boas quer sejam más. (JÓ.33.3) – As minhas razões provam a sinceridade do meu coração, e os meus lábios proferem o puro saber: (LC.14.27) – E qualquer que não tomar a sua cruz e vir após mim, não pode ser meu discípulo; (1CO.1.19) – pois está escrito: (JB.21.14) – Este é o discípulo que dá testemunho destas cousas e que as escreveu, e sabemos que o seu testemunho é verdadeiro; (IS.28.26) pois o seu Deus assim o instrui devidamente e o ensina. ((1TS.5.18) – Em tudo daí graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus, para convosco.

    ResponderExcluir
  5. O ALTÍSSIMO JÁ FAZ JUSTIÇA NA TERRA COM A DESTRA DO CRISTO:

    (JR.33.2) – Assim diz o Senhor que faz estas cousas, o Senhor que as forma para as estabelecer (Senhor é o seu nome): (EX.3.14) – Eu sou o sábio que me enviou a vós outros, (SL.33.19) – para livrar-lhes a alma da morte, e no tempo da fome conservar-lhes a vida: (MT.15.10)–Ouvi e entendei, (2PE.1.20) – sabendo primeiramente isto: Há meio século eu me tornei escravo da liberdade do meu próprio Ser em Cristo, empenhado em esquadrinhar o Tratado Bíblico, no afã de me preparar como Guia dos Guias espirituais, para poder conduzir o povo de Deus à terra prometida. Tenho testado as almas nessa fé, e muitas terão dificuldades em alcançar a relevância dessa obra, dado a sua complexidade aliada à descrença reinante nessa terra pagã e sem futuro. Mas Deus é testemunho de que é com a mais pura das intenções que exorto o estudo acurado da nossa bibliogênese; porque sei que essa humanidade infiel e pervertida, já não poderá subsistir sem o conhecimento que Jesus nos passa através dela.
    (LV.17.12) – Portanto, tenho dito aos filhos de Israel: (SL.58.11) – Na verdade, há recompensa para o justo, há um Deus, com efeito, que julga na terra; pois é o Espírito Santo que revela ao mundo o ex-segredo guardado nas 98 letras e 7 sinais dessa parábola:

    (NM.16.28) – ENTÃO, DISSE MOISÉS: NISTO CONHECEREIS QUE O SENHOR ME ENVIOU A REALIZAR TODAS ESTAS OBRAS, QUE NÃO PROCEDEM DE MIM MESMO:

    (MC.14.27) – Todos vós vos escandalizareis porque está escrito:

    E CRISTO DIZ AOS HOMENS CONSCIENTES: ESTÃO VENDO QUE ESSE SER É MEU ESPÍRITO EM ARNALDO RIBEIRO, NAS MÃOS DO HOMEM QUE AMA.

    (GL.4.16) – Tornei-me, porventura, vosso inimigo, por vos dizer a verdade? (JÓ.19.4) – Embora haja eu, na verdade, errado, comigo ficará o meu erro. (1CO.4.3) – Todavia, a mim mui pouco se me dá de ser julgado por vós ou por tribunal humano, nem eu julgo a mim mesmo; (1CO.4.3) – porque se julgássemos a nós mesmos, não seriamos julgados. (2CO.5.10) – Importa que compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo; (LS.1.15) – porque a justiça é perpetua e imortal: (MT.10.18) – Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes Aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo: (HB.10.30) – Óra, nós conhecemos Aquele que disse: A mim pertence a vingança, Eu retribuirei: (IS.46.13) – Faço chegar a minha Justiça e não está longe: (MT.5.6) – Bem-aventurados os que tem fome e sede de justiça; porque serão fartos.

    ResponderExcluir
  6. JÁ EXISTE UM ELO DO SABER DO CÉU BUSCANDO ELOS DESSE AMOIR NA TERRA:
    DE REPENTE REAPARECE ESTE ELO ESPIRITUAL QUE RELIGA O CÉU E A TERRA, QUE JÁ CONGREGA IRMÃOS ESPIRITUAIS EM CRISTO, QUE JÁ ESTÁ CRIANDO A VERDADEIRA RELIGIÃO CRISTÃ:
    (SL.66.16) Vinde, ouvi, todos vós que temeis à Deus, e vos contarei o que Ele tem feito por minha alma: Na verdade, o nosso Criador já consagrou essa Criatura louca, que se auto-criou como o primeiro elo espiritual de Deus da nova era, pelo poder da sua fé consciente, e que vem agindo como tal para religar o céu e a terra, para unir os irmãos espirituais em Cristo, trabalhando na obra comum da criação da nossa futura terra:
    Com 60 letras e 6 sinais os Profetas escreveram na Bíblia:
    (2SM) O SEGUNDO LIVRO DE SAMUEL: DAVI RECEBE A NOTICIA DA DERROTA E MORTE DE SAUL:

    Com estes mesmos caracteres escreveram na Bibliogênese:

    DEUS TEM SEU ELO DE VERDADE NA VIDA: ARNALDO RIBEIRO AGE E LUTA COMO CRISTO:

    Agora eu também já formalizo esta Convocação Divina, recompondo as 48 letras e os 5 sinais deste título bíblico, assim:

    (LM)-LAMENTAÇÕES DE JEREMIAS: JERUSALÉM, DESTRUIDA E DESOLADA:

    Irmãs e Irmãos de fé:

    SEJAM ÈLOS DE MIM NA TERRA, SERÃO LEALDADE E JUSTIÇA DE DEUS:

    (MT.25.37) Então perguntarão os Justos: Até quando os manipuladores da mídia se comportarão como cegos, surdos e mudos, ante à incontestável presença de Jesus Cristo entre nós, a despeito das evidências expostas na internet? Até quando privarão o grande público desse saber viver em Cristo, perpetuando a ignorância, a exploração desavergonhada, e o sofrimento do nosso povo? (LE.8.11) – Visto como não se executa logo a sentença sobre a má obra, o coração dos filhos dos homens está inteiramente disposto a praticar o mal: (1CO.1.20)-Onde está o sábio? Onde o escriba? Onde o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo?(JÓ.19.7) - Eis que clamo: Violência! Mas não sou ouvido: Grito: Socorro! Porém não há Justiça! (JÓ.30.25) – Sou irmão de chacais e companheiro de avestruzes: (JÓ.21.14) - E são estes os que disseram è Deus: Retira-te de nós! Não desejamos conhecer os teus caminhos; (1PE.4.5) - os quais hão de prestar contas Àquele que é competente para julgar vivos e mortos! (LC.11.17) E sabendo ele o que se lhes passava pelo espírito, disse-lhes: (MT.17.17) - Ó geração incrédula e perversa! Até quando estarei convosco? Até quando vós sofrerei? (LC.5.3) - Ai de vós, os que estais agora fartos! Porque vireis a ter fome: Ai de vós os que agora rides! Porque haveis de lamentar e chorar: (JR.2.29) - Por que contendeis comigo? (LC.825) - Onde está a vossa fé?

    ResponderExcluir
  7. O PODER DESSA FÉ JÁ VEM DISSIPANDO AS TREVAS DA CRIAÇÃO DIVINA: E O TEMPO DAS ADIVINHAÇÕES BÍBLICAS E DOS ENGANADORES DO MEU POVO JÁ PASSOU:
    (JÓ.32.8) – NA VERDADE HÁ UM ESPÍRITO NO HOMEM, E O SOPRO DO TODO-PODEROSO O FAZ SÁBIO: (PV.4.19) – O CAMINHO DOS PERVERSOS É COMO A ESCURIDÃO, NEM SABEM ELES EM QUE TROPEÇAM: (PV.4.18) – MAS A VEREDA DOS JUSTOS É COMO A LUZ DA AURORA, QUE VAI BRILHANDO MAIS E MAIS ATÉ SER DIA PERFEITO:
    (IS.1.2) – Ouvi, ó céus, e daí ouvidos, ó terra; porque é o Senhor quem fala: (HB.12.25) – Tende cuidado, não recuseis ao que fala; (RM.2.24) – pois, como está escrito, (2SML.23.2) – o Espírito do Senhor fala por meu intermédio, e a sua palavra está na minha língua; (2SML.22.23) – porque todos os seus juízos me estão presentes, e dos seus estatutos não me desviei: (MC.11.22) – Tende fé em Deus, (LE.6.12) – pois quem sabe o que é bom para o homem, durante os poucos dias da sua vida de vaidade, os quais gasta como sombra? (MT.7.23) – Então lhes direi explicitamente: EZ.12.28) – Não será retardada nenhuma das minhas palavras, e a palavra que falar se cumprirá: (1CO.10.12) – Aquele, pois, que pensa estar em pé, veja que não caia; (EZ.12.24) – porque já não haverá visão falsa nenhuma, nem adivinhação lisonjeira no meio da casa de Israel: (MT.21.42) – Portanto vos digo: Agora já sabei ensinar que, ao recompormos a literatura bíblica podemos dissipar as trevas da criação divina, libertar os ex-escravos da escuridão, e expor aos olhos dos justos os feitores das obras do diabo, assim:
    O SABER LER A SI:
    (ES.12.1)
    (AP.13.18) – AQUI ESTÁ A SABEDORIA: AQUELE QUE TEM ENTENDIMENTO CALCULE O NUMERO DA BESTA, POIS É NÚMERO DE HOMEM: ORA ESSE NÚMERO É SEISCENTOS E SESSENTA E SEIS: (AR.119.9)

    (ISRAEL é o nome do Homem que sabe LER A SI no Espírito Bíblico: Aqui o saber acaba com as cogitações infundadas que existiam acerca do número 666 do Apocalipse, pois o que está escondido nas 131 letras e 10 sinais que compõem o texto acima, é isto):

    ARNALDO RIBEIRO É ISRAEL: É O HOMEM QUE NASCEU NO CÉU, QUE AMA E SABE TESTAR AS ALMAS NO SEU NOME: E ELE ENTENDE QUE CRISTO TESTA DEUSES E DIABOS NESSE MESMO ESPÍRITO. (IL.131.7)
    ((AP.19.9) – Então me disse o Anjo: Escreve: (JB.12,13) - HOSANA! Bendito o que vem em nome do Senhor e que é o Rei de Israel: (GN.41.39) - Acharíamos, porventura, Homem como este em quem há o Espírito de Deus? (JB.7.46) – Jamais alguém falou como este Homem:- (JB.6.14) – Este é verdadeiramente o Profeta que devia vir ao mundo: (LC.2.6) - Revelara-lhe o Espírito Santo que não passaria pela morte, antes de ver o Cristo do Senhor: (JB.9.33) – Se este Homem não fosse de Deus, nada poderia ter feito).

    ResponderExcluir
  8. REPATRIANDO PARA JERUSALÉM O POVO DE ISRAEL QUE PERMANECIA EXILADO NA BABILÔNIA, CULTUANDO DEUSES FAJUTOS E PADECENDO SOB O JUGO DE PECADOS INCONSCIENTES: Até o dia 30.09.1985, poucos entendiam o significado disto: (AP.17.5) – BABILÔNIA, A GRANDE, A MÃE DAS MERETRIZES E DAS ABOMINAÇÕES DA TERRA: (IS.16.14) – AGORA, PORÉM, O SENHOR FALA E DIZ: (LE.1.12) – EU, O PREGADOR, VENHO SENDO REI DE ISRAEL EM JERUSALÉM; (JÓ.34.30) – PARA QUE O IMPIO NÃO REINE E NÃO HAJA QUEM ILUDA O POVO: (JR.29.20) – OUVI, POIS. A MINHA PALAVRA, TODOS VÓS, OS QUE ENVIEI DE JERUSALÉM PARA O EXILIO DA BABILÔNIA; (1PE.4.17) – PORQUE A OCASIÃO DE COMEÇAR O JUÍZO PELA CASA DE DEUS É CHEGADA: (LV.17.12) PORTANTO, TENHO DITO AOS FILHOS DE ISRAEL: Agora todo mundo entenderá que os donos da mídia, os gentios, e todos os desalmados que escondem da nossa gente a herança que a Ação do Amor tem legado aos futuros Cristãos, através da Bibliogênese de Israel; JÁ PASSARAM A SER PECADORES CONSCIENTES, pois sabem que perpetuam a ignorância dos descrentes que continuarão na Babilônia praticando o mal da mentira, da idolatria, da imoralidade, da prostituição, dos casamentos ilícitos, do aborto, da corrupção, da injustiça, da violência, das guerras, e de muitos outros pecados abomináveis; que têm infernizado a vida terrena: Confiai e participai desta Providência Divina:i (LV.18.29) NÃO SUCEDA QUE A TERRA VOS VOMITE, HAVENDO-A VÓS CONTAMINADO, COMO VOMITOU O POVO QUE NELA ESTAVA ANTES DE VÓS: (MT.810) – OUVINDO ISTO ADMIROU-SE JESUS E DISSE AOS QUE O SEGUIAM: (LC.8.45) - ALGUÉM ME TOCOU, PORQUE SENTI QUE DE MIM SAIU PODER: (JB.15.22) - SE EU NÃO VIERA, NEM LHES HOUVERA FALADO, PECADO NÃO TERIAM, MAS AGORA NÃO TEM DESCULPA DO SEU PECADO; (1TS.4.3) – POIS ESTA É A VONTADE DE DEUS: (JB.15.25) – ISTO, PORÉM, É PARA EU QUE CUMPRA A PALAVRA ESCRITA NA SUA LEI: (AP.18.10)– AI! AI! TU, GRANDE CIDADE, BABILÔNIA, TU PODEROSA CIDADE!, POIS, EM UMA HORA, CHEGOU O TEU JUIZO; (2CO.10.7) – OBSERVAI O QUE ESTÁ EVIDENTE, no âmago dessa parábola:
    (JR.50.46) – AO ESTRONDO DA TOMADA DE BABILÔNIA, ESTREMECEU A TERRA; E O GRITO SE OUVIU ENTRE AS NAÇÕES:
    (São 72 letras e 4 sinais que gritam entre os Seres que já estão despertos):
    DEUS TESTOU A GENTE NA VIDA ETERNA DE SÁBIO, E EU TESTO O CORAÇÃO SEM AMOR: ARNALDO RIBEIRO

    ResponderExcluir
  9. JESUS CRISTO LIVRA A FAMILIA TERRENA DO MAL DO ABORTO COM O PODER DA FÉ: (ES.57.2) - (LE.6.1) – Há um mal que vi debaixo do sol, e que pesa sobre os homens: (DT.13.11) – E todo o Israel ouvirá e temerá, e não se tornará a praticar maldade como esta no meio de ti; (JR.15.5) – pois quem compadeceria de ti, ó Jerusalém? (LE.5.18) – Eis o que eu vi: (EC.25.26) – Toda a malicia é leve em comparação da malicia da mulher, sobre ela caia a sorte dos pecadores: (ÊX.32.31) - Ora, o povo cometeu grande pecado, fazendo para si deuses de ouro: (SL.57.2) – Clamarei ao Deus Altíssimo, ao Deus que por mim tudo executa: (LM.2.20) – Vê, Senhor, e considera a quem fizeste assim! Hão de as mulheres comer o fruto do seu carinho? Ou se matará no santuário do Senhor, o sacerdote e o profeta? (JÓ.10.18) porque, pois, me tiraste da madre? Ah! Se eu morresse antes que olhos nenhuns me vissem; (JÓ.81.16) – ou, como um aborto oculto, eu não existi ria, como crianças que nunca viram a luz:(JÓ.5.4)–Os seus filhos estão longe do socorro, são espezinhados as portas e não há quem os livre: (LE.8.11) – Visto como não se executa logo a sentença sobre a má obra, o coração dos filhos dos homens está inteiramente disposto a praticar o mal: (HC.2.2) – O Senhor me respondeu e disse: (IS.7.7.) – Isto não subsistirá nem tampouco acontecerá: (ÊX.23.26) – Na tua terra não haverá mulher que aborte, completarei o numero dos teus dias; (1CO.15.45) – pois assim está escrito:(AR.916.64)

    (Na pagina 156 da Bibliogênese: São 973 letras e 56 sinais que revelam isto):

    Eu sou o Espírito do Senhor Deus, do vosso Pai Eterno, que testei as almas dos filhos de Adão e Eva na minha Lei, e que hoje diz a verdade aos Homens e as Mulheres, na ação de um Santo Profeta que crê, ama, luta e tem falado por mim: Escutai, entendei, amai e lutai; pois haverá bom futuro no Homem que se faz filho do amor, e que se levanta como esse Ser Espiritual iluminado, como o Cristo: Agora existe outro Cristo com o poder do seu Deus, e não haverá mais a malicia do diabo, nem o abominável mal do aborto; porque aqui o Filho do Homem decreta e promulga esta sentença na Santa Lei de Deus: Quem praticar o aborto na obra da criação, cometerá uma loucura e um pecado imperdoável, pois o aborto provocado será considerado como crime de morte na terra do futuro povo Cristão: Então, tanto os homens como as mulheres já passaram a ser pecadores conscientes à luz do saber de Israel, e também não poderão escapar da mão do Senhor, como execu-tores desse crime: Testemunhai que Cristo veio ensinar aos Cristãos como executar as nossas leis e estatutos, e a espiritualizar as almas das crianças, ao ler à si: O Senhor Deus provou aos Homens e às Mulheres que eu existo como o Cristo? E seguireis o nosso Espírito que não morrerá ? (IL.973.56)

    ResponderExcluir
  10. ADVERTÊNCIA AOS LOBOS QUE SE TRAVESTEM DE CORDEIROS:
    (JR.11.19)– Eu era como um manso cordeiro que é levado ao matadouro; porque eu não sabia que tramavam contra mim, dizendo: (MT.10.16) – Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto, prudentes como as serpentes e símplices como as pombas: (MT.7.15) – Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados de ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores; (IS.9.16) - porque os guias deste povo são enganadores, e os que por eles são dirigidos, são devorados: (1Rs.22.17) – Vi todo o Israel disperso pelos montes, como ovelhas que não tem Pastor; (SL.78.22) – porque não creram em Deus nem confiaram na sua salvação:
    (AP.12.11) – Então, ouvi grande voz do céu, proclamando: (OS.4.6) – O meu povo está sendo destruído porque lhe falta conhecimento; porque tu sacerdote rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não seja sacerdote diante de mim, visto que esqueceste da lei do teu Deus, também eu esquecerei de teus filhos. (1SM.2.35) – Então suscitarei para mim um sacerdote fiel, que procederá segundo o que tenho no coração e na mente, edificar-lhe-ei uma casa estável, e andará Ele diante do meu ungido para sempre. – Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o perverso, entre o que serve a Deus e o que não serve: (MC.6.15) É profeta como um dos profetas, (AT.15.23) - escrevendo por mão deles: (LC.17.30) – Assim será no dia em que o Filho do Homem se manifestar. (JÓ.12.16) – com Ele está a força e a sabedoria (RM.2.6) – que retribuirá a cada um segundo o seu procedimento. (1CO.10.12) – Aquele, pois, que pensa estar em pé, veja que não caia; (JÓ.19.25) – porque eu sei que o meu redentor vive e por fim se levantará sobre a terra: (IS.44.28) – Ele é meu Pastor e cumprirá tudo que me apraz: (HB.12.25) – Tende cuidado, não recuseis ao que fala; (EZ.18.32) – porque não tenho prazer na morte de ninguém, diz o Senhor Deus. Portanto convertei e vivei. (1PE.4.8) – Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros; porque o amor cobre multidão de pecados.

    ResponderExcluir
  11. Giselle, tenta mudar o nome dele pra uma abreviação. Não é muito seguro pra ele que isso seja divulgado pela internet pq você sabe como o google é uma arma poderosa... Eu mesma encontrei essa página aqui rapidinho. Por isso que quando a Junta fala dele, coloca em abreviação. Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Concordo. O trabalho desse missionário é de extremo perigo e requer sigilo absoluto sobre sua identidade. A citacão do nome e mesmo as iniciais verdadeiras colocam-no à mercê dos que intentam contra sua vida. Sugiro que se troque o nome por um fictício, bem como suas iniciais. A contar da data da publicação, 2008, quem me garante que alguma de suas inúmeras prisões e aflições não tenham sido causadas pela divulgação do livro ou de Blogs como esse, ainda que com boas intenções ?

      Excluir
  12. Muito obrigado Giselle. Eu passei por uma experiencia parecida com a tua.
    A bastante tempo eu li Torturado por Cristo, e Foxe's Book of Martyrs, e isso impactou muito minha fé e minha convicção de quem eu sou, de quem Jesus é, e de como Ele é maravilhoso e vale mais do que tudo que possuo, inclusive minha vida, como eu o amo.

    Mas o tempo foi passando, as coisas vão mudando, as distrações começaram a crescer, e naturalmente fui esquecendo, deixando essa visão esfriar.

    Ontem fui visitar um amigo numa igreja batista, e o pastor que iria pregar seria o M. Z.
    Eu fui Tão impactado pelo amor dele, não só por Jesus, mas por todos ali, sua doçura e simplicidade, e as coisas que ele ia ensinando, os testemunhos que ele dava, foram me moendo por dentro, algo começou a despertar dentro de mim.

    Comecei a ver como dou um imenso valor a coisas que não tem nenhum valor, como transijo em pequenos pecados, e me justifico dizendo que é normal ou que todos fazem, como não faço quase nada pra de alguma maneira deixar o amor de Deus brilhar através de mim aos que ainda não o tem.

    Quando acabou a pregação, tomei uma decisão, que quero mudar, que vai ser diferente. Sei que não sou capaz de fazer nada disso sozinho, de realizar em mim mesmo uma transformação, mas o que posso fazer farei, Permitir que o Espirito Santo faça em mim, pelo menos essa é a maneira que eu vejo.

    Obrigado por ter compartilhado o teu testemunho aqui conosco!

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Em Nome de Jesus !!! O trabalho desse missionário é de extremo perigo e requer sigilo absoluto sobre sua identidade. A citacão do nome e mesmo as iniciais verdadeiras colocam-no à mercê dos que intentam contra sua vida. Sugiro que se troque o nome por um fictício, bem como suas iniciais. A contar da data da publicação, 2008, quem me garante que alguma de suas inúmeras prisões e aflições não tenham sido causadas pela divulgação irresponsável do seu nome no livro ou em Blogs como esse, ainda que com boas intenções ?

    ResponderExcluir
  17. Palavra e testemunho maravilhoso. Sermos Cristão não só de palavras... Que o Senhor nos perdoe por dormirmos

    ResponderExcluir