11 de jun de 2005

Mudando...

De favor: Nesse último mes muitas mudancas ocorreram em todos os sentidos. Por naum ter arranjado familia pela agencia, mudei pra casa da Familia Oliveira, la da igreja. Foi muito bacana passar esse tempo com eles, pq o carinho entre a gente cresceu demais. A Aurinha e o Samuel viraram meus pais e a Jessica e o Lucas meus irmaos. Eles me receberam super bem na casa deles por quase um mes. Nesse tempo decidi ficar aqui no USA por conta propria.
Trabalho: Arranjei um emprego numa boutique brasileira que eh muito chique, a Lillyth (www.lillythstore.com), trabalhamos com as melhores marcas do Brasil (q antes eu nem conhecia), Caos, Carmim, Yes Brasil, Cantao, Blue Banana, e outras.
Moradia: Depois de achar emprego, comecei a procurar quarto. Naum estava achando nada q me agradasse ate que estava vendendo calca jeans pra uma cliente da loja e conversa vai, conversa vem eu perguntei se ela conhecia alguem q estivesse alugando um quarto. "Eu mesma." Ela disse. Quinta-feira mudei pro ape dela, que eh muito show de bola. O ape tem living room, cozinha, um banheiro, uma suite (da Fe, minha roommate ai na foto comigo)
e um quarto (meu eh claro). Tenho um quarto com cama de casal, um closet grande, sacada, um banheiro so meu, e ela eh uma otima roommate. Alem do mais, o predio tem piscina, laundry, gym, meu tudo de bom. Eh bencao na minha vida...fala ae!
Mas ainda estou me adaptando ao ape, tentando me sentir a vontade, aprendendo ate onde posso ir sem invadir o espaco dela. Ela tem facilitado bastante pra mim. Me permite usar o computer dela, assistir tv no qto dela (pq tem tv a cabo) e fazer o q eu quiser. Bom, naum vou abusar ne?! Mas logo quero poder dizer "Lar doce lar".

Virando gente: Ainda naum me acostumei com o fato de compras. Mas sei que se acabar o papel higienico eu q tenho q comprar, se naum tem nada na geladeira, preciso fazer compras...Eh diferente...mais responsabilidade. Meu mundinho esta expandindo cada vez mais.
Homens: Bom, em meio a isso tudo, sinto que as coisas estao caminhando na vida profissional e espiritual. Mas minha vida pessoal tem estacionado. Pq complico tanto as coisas na vida pessoal?! Naum entendo meus proprios sentimentos, eles me confudem, me assustam, me deixam insegura. Qdo comeco a gostar de alguem coloco um monte de impecilho na minha cabeca: "Naum vai dar certo pq ele eh assim, e eu sou assim, e dai as pessoas vao pensar assado...bla, bla, bla..." COM-PLI-CA-DA! Eu simplesmente naum consigo me deixar levar, dar o braco a torcer, aceitar q naum existe um cara perfeito, e que eu naum vou amar alguem logo de cara, mas vou aprendendo aos poucos, certo? Nunca sei se meus sentimentos tem realmente algum fundamento ou sao apenas frutos de uma carencia passageira, uma coisa fisica. Ja fiz tanta besteira, ja machuquei tanto e ja me machuquei tb...Aprendi algumas coisas, mas parece que esse aprendizado naum tem me levado pra lugar nenhum. Na loja tem uma mulherada cheia das ideias sobre relacionamento. Eh um tal de fulano eh gato, tem carro caro, apartamento em Manhattam, eh bom na cama...So curticao! Naum concordo. Naum acho que relacionamentos baseados em interesses sejam abencoados. Mas ate que ponto eu sou diferente? Tenho meus interesses, quero um cara que esteja de acordo com eles. Mas e se ele naum estiver de acordo, e se for diferente do que eu quero? Ainda assim vale a pena? Naum quero resposta...so jogo essas perguntas pro alto...Vale a pena?